23 de julho de 2015

Análise do capítulo 197

Mais uma delícia de análise! Vocês percebem o quanto esse casal tem uma base sólida através de análises? Não simplesmente se baseando em teorias?
Enfim. Leiam o quadro de cenas:



Vou considerar que vocês tenham lido o capítulo ou visto o anime. Então pulando às explicações sobre a ocasião vamos a análise:

Tanto Yuzu quanto o Isshin desconsideram que a pessoa que se encontra no quarto é a Tatsuki, se tratando na verdade de uma namorada. Mas então Karin traz a possibilidade da mesma estar mais madura fisicamente, assim sendo o Ichigo poderia estar tento uma relação amorosa com a amiga de infância.
Nisso Isshin confirma a teoria da Karin.
Alguns devem pensar que ela diria, do nível da Orihime pelo fato das atribuições da Princesa, mas no momento que o Isshin confirma que poderia ser isso, ela se contradiz, desconsiderando a possibilidade de ser algo físico através das palavras ''neste caso''. Ou colocando em outras palavras, ''mesmo que seja isso''.
Vemos logo em seguida ela falar - Se ele não trouxe pra casa uma garota do nível da Orihime, não tenha com o que se preocupar. Poderia Karin estar vendo algo além ? Ou talvez tenha conhecimento de uma possível paixão secreta por parte do Morango? Pode ser que eu esteja errada, mas o ponto principal dessa análise está focada em outra vertente.
Analisem a última cena. Nela é visto a reação do próprio Ichigo, que aparentemente está incomodado com o que está acontecendo ali fora. Agora vejam a cena seguinte:
No meu ponto de vista, nessas últimas cenas, contando com o quadro anterior, me pareceu claramente que o Ichigo fico ruborizado. Justo quando falam da Orihime.
Podemos esclarecer outra coisa além dessas. Se o Morango já sabia que eles estavam escutando na porta, mas não fez nada quanto a isso, porque justamente reagiu dessa forma depois que a Karin mencionou a Princesa? 

Comente com o Facebook: